Remédios para Candidíase – O que é, remédios e prevenção

Anualmente, são registrados ao redor do mundo milhões casos de candidíase. Essa doença tem suas causas e medidas profiláticas pouco conhecidas e pouco divulgadas pela mídia. Em muitos casos, as pessoas contraem a candidíase justamente por não saber a maneira correta de evita-la, com remédios para candidíase.

A demanda por remédios contra a candidíase aumenta bruscamente no mercado, sua procura tem sido frequente, pois é uma doença no qual é facilmente de se contrair, até mesmo por conta de uma má higienização do corpo.

remedios para candidiase boca

remedios para candidiase copo

A candidíase é uma doença séria, que pode levar ao desenvolvimento de outras doenças, dada a baixa na imunidade que a candidíase pode causar.

Atualmente, cerca de 6% dos recém nascidos são vítimas da candidíase oral e infecções provenientes de fungos na área da boca.

Pessoas em período de quimioterapia e identificadas com AIDS são grandes alvos da candidíase. Boa parte das mulheres sofrera com alguma infecção na região vaginal em alguma parte da vida. Tendo em vista os sintomas que a candidíase gera a consulta médica é essencial.

Isso por que os sintomas tanto da candidíase vaginal quanto da oral podem ser facilmente confundidos com inflamações promovidas por outros agentes patógenos e a auto medicação com antifúngicos sem a determinada indicação medica pode levar a graves consequências, tais como problemas hepáticos e nos rins.

O que é a candidíase

A candidíase é uma infecção que afeta regiões como a boca e a vagina na maior parte dos casos registrados, entretanto pode afetar o corpo todo, tornando-se uma infecção generalizada. A doença é causada pelos fungos do tipo cândida, que podem variara entre até 20 tipos diferentes.

remedios para candidiase bolhas

A candidíase pode aparecer em qualquer pessoa com a imunidade baixa, sendo possível sua verificação principalmente em pessoas vítimas do hiv, transplante de órgãos, cirurgias agressivas, uso constante de antibióticos e crianças de até 1 mês de idade.

Mais afetados...
Os casos de candidíase registrados nos grupos acima são majoritariamente vítimas da candidíase oral. A candidíase vaginal tem como alvos: gestantes, usuárias de antibióticos com frequência e mulheres com debilidade imunitária.

Possíveis causas

Existem alguns hábitos, no qual faz aumentar o risco da contaminação dos fungos, vale ficar atento para tomar os devidos cuidados, as causas mais comuns são:

  • Contaminação durante o período menstrual – Muitas vezes pelo uso dos absorventes, principalmente os internos, no qual deve-se sempre fazer a higienização correta das mãos antes de abrir e inserir na região íntima.
  • Relação sexual desprotegida – A contaminação pode acontecer, se porventura o parceiro apresente a candidíase.
  • Uso prolongado de um absorvente – É recomendando que cada absorvente seja trocado pelo menos a cada 3 horas, e se o fluxo estiver mais elevado, é necessário efetuar a troca antes, pois muitas vezes os fungos surgem devido ao odor e impurezas causada nesse período.
  • Partilhar luvas – Os fungos podem passar entre as mãos de um contaminado.
  • Uso de roupas molhadas – Os fungos muitas vezes se apresentam durante as roupas molhadas, é necessário para o uso, que as roupas estejam secas.
  • Uso de roupas apertadas – Ao usar roupas apertadas, as regiões íntimas e o corpo não obtém espaço para “respirar”, consequentemente não liberam os possíveis fungos que podem causar por conta da roupa ou suor.
  • Andar descalço – Para evitar a contaminação do contato dos fungos com os pés.
  • Caso de devidas doenças – Doenças como Aids, Lúpus e HPV, pois deixam o sistema imunológico mais fraco.

Sintomas da Candidíase Genital

Existem vários sintomas que podem evidenciar um caso de candidíase genital, dentre eles os principais são:

  • Desconforto ou dor nas regiões íntimas
  • Desconforto ao urinar
  • Corrimento branco
  • Coceiras nas regiões genitais
  • Inchaço ou vermelhidão na região íntima

Sintomas da Candidíase Oral

Os sintomas de candidíase oral pode ser evidentes tanto em crianças quanto adultos, os principais deles são:

  • Ardência na lingua
  • Irritação na garganta
  • Presença de placas brancas na boca
  • Aftas na boca
  • Carroço na boca
  • Dificuldade em engolir alimentos

Os sintomas em bebês e crianças, aparecem devido a queda da imunidade e normalmente apresentam com presença de placas esbranquiçadas na língua.

Principais remédios para candidíase

remedios para candidiase flucoOs remédios para candidíase são, sobretudo, antifúngicos. A candidíase, como sendo exclusivamente fruto de uma infecção fungica proveniente da baixa imunidade.

O combate à candidíase não deve se basear apenas no uso de antifúngicos, mas na profilaxia da doença, isto é, no combate às causas da mesma. Uma melhor alimentação, uso mais controlado de antibióticos e pratica de exercícios podem ajudar para que a candidíase não reincida.

Os principais remédios para candidíase indicados pelos médicos são:

  • Cloristatina;
  • Fluclonazol;
  • Cetocanozol.

remedios para candidiase seringaOs três são pomadas de teor antifúngico. Deve-se optar por pomadas para o tratamento em primeiro plano, isso por que antifúngicos de via oral tendem a ter um elevado nível de hepatotoxidade. Normalmente a administração do uso das pomadas varia entre 7 e 14 dias.

Além disso existem os remédios de dose única como o fluconazol, usado em casos mais leves da doença. O fluconazol é um comprimido de uso vaginal e, como o nome diz, é tomado em apenas uma dose.

Caso não haja melhora é recomendada uma nova consulta médica para a reavaliação do caso e uma segunda dose do fluconazol após 72 horas da primeira dose.

Remédios para candidíase que precisam de receita

Remédios como o fluconazol, por ser de dose única e concentração mais alta, assim como antifúngicos de via oral, necessitam de receita médica, dada a sua alta concentração e possível risco para o fígado.

Remédios que não precisam de receita médica

Medicamentos como as pomadas antifúngicas, a exemplo o cetoconazol, não necessitam de receita no momento da compra, isso por que não apresentam grandes riscos à saúde e são usados no tratamento de tipos mais leves de candidíase.

remedios para candidiase pomada

remedios para candidiase cetoconazol

Também se pode recorrer ao uso de remédios para candidíase caseiro, a exemplo:

Uso de yogurte

120 gramas de yougurte integral natural

Use corretamente
Introduza o yogurte na vagina e mantenha-o lá com a ajuda de uma absorvente o calcinha. O yogurte diminuira a acidez da vagina, elevando seu Ph e desfavorecendo a procriação de fungos alí presentes. Se feito repetidas vezes o tratamento tem boas chances de sucesso.

Uso do chá verde

Por conter muitas substancias antibióticas o chá verde é de grande ajuda para o combate à candidíase. Os fungos do tipo cândida dependem de todo um ecossistema para que se mantenham estáveis e firmes e a aplicação de um antibiótico no local desestabiliza esse equilíbrio.

remedios para candidiase cha

Alimentos apropriados para ingerir

Conforme os profissionais médicos, o período em que o paciente estiver tratando  a candidíase, é importante evitar ao máximo o consumo do açúcar e também os carboidratos refinados, mas sim optar por alimentos que ajudam na eliminação da cândida o mais rápido, tais como:

  • Queijos
  • Gengibres
  • Salsichas
  • Sementes de abobora
  • Alecrim
  • Alho
  • Cebola
  • Frango orgânico
  • Alimentos integrais
  • Sementes de chia
  • Sementes de linhaça

Como prevenir

A candidíase é uma doença que se aproveita da debilidade do sistema imune para se instalar em uma maneira parasítica. Para combater isso é fundamental que o sistema imune esteja agindo a maneira correta e com todas as funções em ordem.

remedios para candidiase sangue

remedios para candidiase vaginal

Tomar todas as vitaminas, se alimentar corretamente e praticar esportes são fatores que contribuem muitos para um bom funcionamento do sistema imune. Além disso a higiene tanto na boca quanto nas regiões intimas é essencial para combater a instalação de fungos.